O senador Astronauta Marcos Pontes (PL-SP) apresentou uma proposta (PL 2.294/2024) para que o exercício da medicina no Brasil tenha como exigência a aprovação em exame de proficiência. Conforme o projeto, somente depois da prova os formados na área poderão se inscrever no Conselho Regional de Medicina. A demanda, segundo Marcos Pontes, é das próprias entidades representativas da profissão, que apontam a proliferação indiscriminada de cursos no país e a má qualidade da formação, que em algumas instituições de ensino não oferece residência médica.

Proposta apresentada pelo senador Astronauta
Marcos Pontes, do PL de São Paulo, determina que somente poderão se inscrever no Conselho Regional de Medicina e, consequentemente, exercer a profissão quem tenha sido aprovado no Exame Nacional de Proficiência em Medicina.
Você é contra ou a favor?

FONTE: Senado Notícias

Share.

Leave A Reply